jusbrasil.com.br
31 de Maio de 2020
    Adicione tópicos

    Fernando Gabeira e ex-guerrilheira desmascaram mentira de Dilma sobre a luta armada; veja

    Folha Política
    Publicado por Folha Política
    há 5 anos

    Um vídeo que circula na web expõe os ex-guerrilheiros Fernando Gabeira e Vera Silva Magalhães desmentindo uma afirmação de Dilma, segundo a qual a luta armada no Brasil lutou pela democracia.

    Dilma integrou 4 organizações subversivo-terroristas: COLINA, VPR, POLOP e Var-Palmares, as quais almejavam, expressamente, a implantação de uma ditadura comunista no Brasil, tal como ocorrido em Cuba, China, União Soviética, entre outros. Assista:

    Veja também:

    General afirma que Brasil está prestes a sofrer um Golpe de Estado

    Coronel do Exército afirma que Brasil está a três passos de guerra civil

    General afirma que 'tempo para militares reagirem ao governo da esquerda totalitária está se esgotando'

    Dilma manda punir 150 militares que criticaram o governo; entenda o caso

    General diz que militares estão dispostos a dar a vida para 'salvar o Brasil da dominação comunista'

    General ignorado pela grande mídia denuncia que José Dirceu foi financiado por Fidel Castro

    General pede que Dilma dê explicações sobre atentado a bomba que matou Kozel Filho em 1968

    Coronel afirmou, semanas antes de ser assassinado, que Lula mandou matar dois sindicalistas; veja

    Jair Bolsonaro afirma que Dilma deveria ser presa; assista ao vídeo

    Vídeos relacionados

    Veja também:

    Polícia impõe disciplina militar em escolas públicas de Goiás e é aplaudida pela população e por professores

    Em enquete com 862 mil votos, 80,2% creem que Regime Militar evitou que Brasil fosse dominado pelo comunismo

    Candidatura do General Heleno à presidência já tem mais de 5,7 milhões de apoiadores, diz IstoÉ

    General Rômulo Bini diz que Exército não pedirá desculpas pelo Regime Militar

    Site criado por estudiosos estima que comunismo matou mais de 100 milhões no mundo

    Governo Dilma quer doar 25 viaturas blindadas de combate para o Uruguai; 'mimo' custará R$350 mil ao Brasil

    General contesta ministro e diz que não haverá pedido de desculpas

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)