jusbrasil.com.br
16 de Outubro de 2018
    Adicione tópicos

    Boulos tenta provocar e leva 'invertida' de Bolsonaro: 'teria vergonha se estivesse invadindo casa dos outros'

    Folha Política
    Publicado por Folha Política
    há 2 meses
    No primeiro debate entre presidenciáveis, o "chefe" do MTST, Guilherme Boulos, partiu para o ataque sobre o deputado Jair Bolsonaro, chamando-o de machista, racista e homofóbico, e acusando-o de ter uma funcionária fantasma, de ter colocado os filhos na política e de receber auxílio-moradia. Bolsonaro respondeu lembrando que seus filhos foram eleitos para seus cargos, e questionou o senso de "moral" do chefe de movimento de invasões: "teria vergonha se estivesse invadindo casa dos outros. Auxílio-moradia está previsto em lei. Imoral é fazer o que você faz". Bolsonaro acrescentou: "Agora, eu não vim aqui para bater boca com um cidadão desqualificado como esse aí", devolvendo o tempo restante. Política na Rede

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)